25 Mar Manchas na pele e envelhecimento cutâneo

As manchas na pele são um tormento para homens e mulheres que buscam uma aparência saudável e jovem. A marca de uma espinha, as sardas e os cloasmas de gravidez são as mais comuns e podem ser prevenidas e apagadas.
Como todo tratamento, se começar logo nos primeiros sintomas, as chances de sucesso são imensas. Se forem prevenidas com protector solar diário então, uma pele lisa e aveludada é garantida.
As manchas são uma variação de cor na pele – quantidade de melanina – e podem aparecer marrons, brancas ou vermelhas e variar sua intensidade de acordo com a predisposição de cada pessoa!
Manchas de envelhecimento;

“O envelhecimento cronológico pode fazer com que se tenha mais vulnerabilidade a pintas e manchas localizadas, pois o organismo vai perdendo a capacidade de filtrar as células defeituosas, a pele perde parte da capacidade de se defender do sol, além do fato da radiação ser acumulativa ter sido guardada na memória da célula durante as décadas de vida”.

As famosas melanoses actínicas nas mãos, sardas brancas em pernas e antebraços, avermelhamento na lateral do pescoço (chamada poiquilodermia) e as lesões pré-cancerosas, ásperas como as queratoses actínicas são exemplos dos efeitos causados na pele ao longo dos anos e que podem ser amenizados com o uso do protector solar.

Manchas causadas por lesões

Picadas de insectos, queimaduras leves e arranhões costumam deixar a pele manchada. A princípio as lesões são cor de vinho, rosadas, mas depois podem se tornar castanhas, já que o organismo “deposita” melanina nos locais onde houve uma inflamação, particularmente nas pessoas de pele morena ou dourada, as mesmas que pegam bronzeado com facilidade.
A acne também deixa manchas avermelhadas escuras, por longo tempo após as espinhas terem desaparecido, fazendo com que cada espinha nova que apareça cause aborrecimento por muitos meses.

Manchas em áreas sensíveis

As manchas que aparecem em áreas sensíveis como as AXILAS E A PARTE INTERNA DAS COXAS são um grande incomodo à maioria das mulheres, principalmente as de pele mais escura.
A maioria delas é classificada como DERMATITE DE CONTACTO CAUSADA PELO USO DE DESODORIZANTES OU PELA EPILAÇÃO “Deve-se analisar antes se estas manchas são micoses para só depois fazer um tratamento adequado”

Apague as sardas brancas

Apagá-las totalmente não é tarefa fácil, para não dizer impossível. Mas alguns tratamentos prometem reduzir uma boa parte delas ou, pelo menos, torná-las menos evidentes.

ESSES PEQUENOS PONTOS, BEM MAIS CLAROS QUE O TOM DA PELE, COSTUMAM INVADIR OS BRAÇOS, AS PERNAS E O COLO A PARTIR DOS 30 OU 35 ANOS. NORMALMENTE, SÃO RESULTADO DE ANOS DE EXPOSIÇÃO AO SOL SEM PROTECÇÃO. E SÃO DIFÍCEIS DE APAGAR PARA SEMPRE.
Mas é bom lembrar que nenhum tratamento evita que novos pontinhos brancos apareçam. Por isso, vale a pena apostar na prevenção, com o uso frequente de um filtro solar. “QUEM JÁ USA UM PROTECTOR 15, POR EXEMPLO, DEVE AUMENTAR O FACTOR DE PROTECÇÃO PARA 50+ PELO MENOS QUANDO VAI À PRAIA“

Tratamento com Peeling / Lifting

Tratamento inovador de Fotorejuvenescimento, pigmentação ,rugas , acne ,Lifting Facial (Novo) com Mascaras Peeling inovadoras de Acid Pyruvic, ou Glycol, complemento cosmético para Ipl mais Radiofrequência.

Os tratamentos anti-envelhecimento ou Rejuvenescimento, são preventivos e atenuantes ,cada um de nós tem agora mais um motivo para cuidar mais cedo da sua pele, de forma a prolongar a sua juventude



Share This